quarta-feira, 29 de Julho de 2009

SINTESE DAS PRINCIPAIS CARACTERISTICAS DA IDEOLOGIA FASCISTA


• Primado do Estado sobre o individuo que lhe deve ser totalmente subordinado;

• Rejeita os princípios liberais e democratas, respeitadores das vontades individuais e dos direitos do indivíduo à liberdade e à igualdade;

ESTADO TOTALITÁRIO:
• A oposição é considerada um entrave à boa governação, por isso é proibida;

• Exaltação do Estado, (para Mussolini o Estado era anterior à Nação, para Hitler o Estado emanava da raça alemã e tinha como papel a unificação e expansão da comunidade racial);

Superioridade
das elites
• Os homens não são todos iguais, por isso o governo deve pertencer aos mais capazes, aos mais aptos, aos superiores;
• Os melhores são os governantes, os soldados, as forças militarizadas, os filiados no partido fascista, os homens;
• Rejeita o valor do voto, da eleição livre.


CULTO DO CHEFE
• O Chefe é o símbolo do Estado, encarnação da Nação e guia dos seus destinos;
• Exaltava as qualidades do Chefe, atribuindo-lhe podres “sobre-humanos”;
• Utilizavam-se cenários grandiosos, com paradas, uniformes, estandartes e com uma imensa multidão levada até ao êxtase e histerismo colectivo;
• Enquadramento dos jovens, em idade escolar, em organizações juvenis (ex: Juventudes Fascistas, Juventudes Hitlerianas), onde lhes incutiam o culto pelo Chefe, a ideologia do Partido, o gosto pelo desporto, pelos exercícios militares, o desprezo pelos valores intelectuais;

ARRIGEMENTAÇAO
DAS MASSAS
• Filiação no partido único, muitas vezes a única forma de acesso aos cargos de responsabilidade;
• No ensino primário e secundário, os professores eram muitas vezes recrutados entre os filiados no Partido e deviam mostrar-se totalmente subservientes ao regime;
• São criados sindicatos fascistas, corporações e associações de tempos livres para mobilizar as classes laboriosas;
• Garantias dos privilégios à grande burguesia, exército, Igreja e intelectuais;

Sem comentários:

Enviar um comentário